Fone: (11) 4617-3641 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco            
sitedagranja
| booked.net | Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

05/02/2009

Transporte e Trânsito

Com o objetivo de criar um canal de comunicação entre Prefeituras da Região/Comunidade, reunimos diversas dúvidas, sugestões e reclamações comuns enviadas por nossos internautas e encaminhamos à Prefeitura responsável, neste caso, a de Cotia.


Com o objetivo de criar um canal de comunicação entre Prefeituras da Região/Comunidade, reunimos diversas dúvidas, sugestões e reclamações comuns enviadas por nossos internautas e encaminhamos à Prefeitura responsável, neste caso, a de Cotia. Aqui, a palavra do secretário de Transportes e Trânsito de Cotia, que respondeu prontamente a todas as questões levantadas pelos moradores da região da Granja Viana. Entre elas, as medidas previstas em relação ao monopólio do transporte coletivo, o valor das tarifas, a falta de transporte coletivo nas vias intermunicipais, a falta de segurança, iluminação e de calçadas na Estrada Fernando Nobre, o caos no cruzamento da rua José Felix de Oliveira e Av. São Camilo e até mesmo o contato Prefeitura/Governo do Estado para sanar problemas na Rodovia Raposo Tavares. Confira.

Site da Granja - Quais os projetos e/ou soluções previstos em relação ao controle e vistoria do transporte alternativo, a concessão das linhas de ônibus e o valor das tarifas?

Secretário Cláudio Olores - A Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito foi criada com a finalidade de organizar e fiscalizar o trânsito e o transporte coletivo da cidade. Na última semana, a pedido do Prefeito Carlão Camargo, encaminhamos um projeto de lei à Câmara Municipal revisando o sistema de concessão das linhas de ônibus. A aprovação dessa lei é o primeiro passo para uma grande mudança que pretendemos introduzir no município.

Vamos contratar uma empresa para desenvolver um plano de mobilidade urbana, com o objetivo de verificar se as linhas existentes são suficientes, quais as mudanças necessárias, como está o preço de nossa tarifa em relação aos municípios vizinhos e o principal: como integrar as vans e os ônibus, para que a população seja bem atendida.

Vamos oferecer melhores condições para passageiros, e também para os operadores de transporte alternativo, que trabalharão com mais organização. Mas é importante lembrar que cobraremos responsabilidades: implantaremos um sistema de controle e vistoria permanentes para que os operadores atuem dentro da velocidade e da capacidade permitida.

Pedimos apenas que a população tenha um pouco de paciência. Assumimos essa pasta há menos de 40 dias e ainda estamos em fase de estruturação. Tenham certeza que nossos planos são muito interessantes, mas demandam tempo para serem executados.

SG - Fale mais especificamente sobre a concessão do Transporte coletivo.

CO - Conforme expliquei na pergunta anterior, a Câmara aprovou um projeto de lei que muda o regime de concessão no município. O principal ponto dessa nova lei é a alteração do prazo de concessão, que passa a ser de 10 anos, podendo ser prorrogado por mais 10. Esse é um fator muito importante quando abrirmos o edital de licitação para contratação de uma nova empresa de transporte coletivo. Com esse prazo maior, atrairemos empresas que poderão vir com propostas de melhores serviços e menores tarifas aos passageiros do município.

SG - Uma parceria entre as prefeituras da região resolveria o problema da falta de transporte coletivo nas vias intermunicipais?

Temos conhecimento dessa questão e, conforme foi mencionado na pergunta, é algo que exige envolvimento dos municípios vizinhos. O nosso plano de mobilidade urbana dará todas as diretrizes para termos um bom transporte no município e analisará a demanda dessas regiões, portanto, se constatarmos a necessidade dessas linhas, lutaremos com as Prefeituras dos arredores para que nos ajudem a cobrar uma reestruturação das operadoras de transporte público.

SG - Assim como outras vias intermunicipais, a Estrada Fernando Nobre tem problemas de segurança, falta de iluminação e de calçadas. Há previsão de melhorias?

CO - A questão de segurança deve ser remetida às autoridades competentes. Quanto às lombadas que favorecem os assaltos na referida avenida, é um problema que merece ser analisado. Estamos fazendo um estudo minucioso para implantar um sistema de controle de velocidade eletrônico, com radares, de forma a eliminar as lombadas em vários pontos da cidade. A instalação desse sistema na São Camilo também será estudado por nossos técnicos. Essa também é uma questão que nos preocupa. As calçadas são obrigação dos proprietários, mas a Prefeitura de Cotia vem atuando e já está notificando essas pessoas para que façam sua parte, construindo os passeios e garantindo a segurança dos pedestres.

SG - Sabemos que a Rodovia Raposo Tavares está sobre jurisdição do Governo do Estado (DER). Porém, a Prefeitura de Cotia poderia mediar a solução de problemas como os dos pontos de ônibus e da falta de calçamento para pedestres em alguns trechos?

CO - O DER (Departamento de Estradas de Rodagem) iniciou as obras na Raposo Tavares. Entre os serviços que serão executados, estão previstas readequações nos pontos de ônibus e construção de baias para embarque e desembarque. Pelo que nos foi passado pelo Estado, essa questão será solucionada até o final do ano.

SG - Existe algum projeto para melhorar o trânsito no cruzamento da rua José Felix de Oliveira com a Av. São Camilo, na Granja Viana?

CO - Estamos trabalhando com prioridades. A primeira intervenção que faremos se dará no centro de Cotia, que hoje enfrenta congestionamentos e apresenta riscos aos pedestres. Finalizada essa etapa, faremos adequações em outros pontos da cidade. No caso específico da José Félix com a São Camilo, temos um projeto para melhorar o fluxo de veículos que será implementado em breve.

E mais...

Prefeitura sinaliza vias próximas às escolas


A Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito, através do Departamento de Sinalização Viária (DSV), iniciou na última semana os serviços de sinalização horizontal e vertical de diversas vias da cidade. A prioridade foi dada às ruas e avenidas próximas às escolas, a fim de garantir mais segurança aos alunos.

Angela Miranda - Mtb 32.135/SP
Fotos por: Ligia Vargas e Assessoria de Imprensa Prefeitura de Cotia








 

Pesquisar





















© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 96948-3326 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR