TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco              
sitedagranja
| Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

24/09/2019

Qualidade de vida aos 60+

Como se manter forte e independente após os 60 anos


Por Dra. Daniela Lima CRM 140970

Existe um mito entre as pessoas de mais idade de que academia é feita para os jovens. Realmente, durante muito tempo as academias foram frequentadas por pessoas mais jovens e cheias de músculos. Porém, com o aumento da quantidade de pessoas na terceira idade, as academias e estúdios de fisioterapia estão sendo cada vez mais frequentados por pessoas que querem se manter saudáveis e independentes.

A atividade física traz muitos benefícios como: melhorar o sono, reduzir a depressão e manter a saúde dos ossos. Na terceira idade, ela também reduz o risco de demência e permite que o idoso se mantenha forte e funcional, ou seja, sem depender de seus familiares no dia a dia. 

O receio do paciente é tornar-se dependente, por isso atendo pessoas que procuram o geriatra aos 40 anos de idade para já se prevenir. Se você quiser ter uma atitude para envelhecer bem, faça atividade física, ela ainda previne doenças cardiovasculares, como derrames e infartos. 

Em idosos mais frágeis ou com osteoporose e doenças articulares, ela  ajuda a prevenir o risco de quedas e o idoso se mantém capaz de se cuidar sozinho por mais tempo.  Dentre as atividades físicas recomendadas estão: exercícios aeróbicos, exercícios de força ou resistidos, alongamento e exercícios de equilíbrio. Todos eles ajudam o idoso a ter mobilidade, flexibilidade, força, equilíbrio, independência e condicionamento físico. 

Todos são importantes, dentre eles, os exercícios resistidos, conhecidos popularmente como musculação, estão entre os principais para envelhecer bem, pois retardam a perda de massa muscular que ocorre com o envelhecimento. Acima de 80 anos de idade, a sarcopenia (doença com musculatura baixa) pode ser encontrada em ate 50% dos idosos. Ganhando e mantendo a massa muscular, a pessoa se conserva forte e independente, permanecendo bem até o fim da vida. É importante cuidar também da parte nutricional também, uma vez que o aporte de proteínas deve ser maior na terceira idade. 

E mais: não há idade para iniciar atividade física, estudos mostram benefícios em qualquer faixa etária, mesmo para quem nunca praticou nenhum esporte. Além de tudo, a atividade física pode ser também uma grande aliada para fazer você sair de casa e fazer novos amigos. 


Dra. Daniela Lima CRM 140970

Geriatra – Hospital das Clínicas da FMUSP e Hospital Israelita Albert Einstein 

Instagram e Facebook @danielalimageriatra

Site: www.danielalimageriatra.com.br

Consultório: Clínica Dra. Debora

Avenida São Camilo, 1111, com serviço de manobrista.

Tel. (11) 4702-2678 / 4702-9750 / 96322-9119



 

Pesquisar




X























© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR