TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco              
sitedagranja
| booked.net | Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

07/05/2019

HPV - Quem ama vacina

Levantamento mostra baixa cobertura vacinal contra HPV em Cotia


Um levantamento realizado pela Secretaria de Saúde de Cotia, com base nos dados do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI), mostra que apenas 11% das meninas com idade entre nove e 13 anos tomaram a segunda dose da vacina contra vírus HPV (Human Papiloma Virus), no ano de 2018. Em relação à primeira dose, a cobertura ficou em 12,72%. A baixa procura pela vacina preocupa a vigilância epidemiológica do município, uma vez que o remédio é eficiente na redução da incidência do câncer de colo do útero.

"Os pais e responsáveis devem levar seus filhos para se imunizarem, a vacina é disponibilizada gratuitamente nas Unidades Básicas de Saúde, para meninos e meninas. Importantes estudos atestam a eficácia da vacina, mas infelizmente a população não atende como deveria", disse Silvana Silva, coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Cotia.

Uma matéria do início deste mês, no portal da Revista Super Interessante, traz uma recente pesquisa feita na Escócia que mostrou que a vacina contra o HPV é capaz de puxar para baixo a incidência de câncer de colo do útero em 89%. "O HPV não causa câncer de colo do útero, mas a infecção causada por este vírus pode trazer como sequela grave esta doença", alertou o Secretário de Saúde de Cotia e médico, Magno Sauter.

No Brasil, a vacina é ofertada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para meninas com idade entre nove e 13 anos e para meninos, com idade entre 11 e 14 anos. Nas clínicas particulares a vacina também está disponível para meninos e meninas a partir de 9 anos de idade.

Além de contribuir para a redução da incidência do câncer de colo do útero, a vacina também ajuda na proteção contra a doença na vulva. No caso dos homens, a vacina protege contra câncer de orofaringe (boca, faringe e amígdalas), ânus e pênis, além de verrugas genitais.    

Existem duas vacinas contra o HPV:  A bivalente previne os tipos 16 e 18 e é aprovada no Brasil para meninas e mulheres a partir de 9 anos, sem idade máxima. A vacina quadrivalente,(a mesma dos postos de saúde), além dos tipos 16 e 18, previne os tipos 6 e 11 e é aprovada no Brasil para meninas e mulheres de 9 a 45 anos e para meninos e homens de 9 a 26 anos.


Clínicas Particulares na Granja Viana

Clin Vacinas

Tel.  (11) 4702-3061

http://www.clinicaclin.com.br/


Gran Vacinas
Tel. (11) 4612-3464
https://granvacinas.com.br/


Foto: Vagner Santos


 

Pesquisar




X

















© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR