TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco              
sitedagranja
| Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

17/06/2020

Em situação de rua

Cotia tem 37 pessoas morando nas ruas, 7 nessa condição há um mês.


Por Mônica Krausz, com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Cotia

Dados da Secretaria de Desenvolvimento Social mostram que, atualmente, trinta e sete pessoas estão em situação de rua em Cotia. Os números mostram ainda que 97% são do sexo masculino e que 89% possui documento de identificação. Um levantamento da SDS mostra ainda, que 43% têm idade entre 30 e 44 anos e 35% com Ensino Fundamental incompleto.

Outra  informação que chama a atenção é que 19% dos moradores de rua estão nesta situação há cerca de um mês. O Site da Granja questionou a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Cotia sobre a possível relação desta situação com a pandemia e o desemprego gerado no momento, mas eles informaram que a maior parte dos entrevistados declarou estar há mais de um ano sem emprego. Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Social, a principal razão para estarem nas ruas é a “drogadição”. Segundo a assessoria, os relatórios da SDS são autodeclaratórios, portanto, trazem dados informados pela própria pessoa em situação de rua. Todos têm problemas com álcool e drogas e alguns aparentam estar há mais de um mês em situação de rua, não necessariamente em pontos de Cotia. 

E o que está sendo feito diante da situação?

Nesta semana, a Secretaria de Desenvolvimento Social de Cotia ampliou o Plano de Ação para Atendimento às Pessoas em Situação de Rua. O objetivo é intensificar as abordagens com o intuito de conscientizar esta população acerca dos direitos e garantias que possuem, além de fazer encaminhamento para serviços municipais, como o Centro Dia, Acolhimento Institucional per noite e atendimento em saúde, respeitando o direito constitucional de ir e vir de cada indivíduo. Neste Plano, a SDS espera contar com o apoio da população e, para isso, disponibilizou o número de Whatsapp (11) 9 6300-7500 para que o cidadão possa informar sobre a localização e a condição da pessoa em situação de rua  encontrada em seu caminho.

Para notificar sobre uma pessoa em situação de rua, basta enviar uma mensagem para o número do Canal de Atendimento com a mensagem 'Olá', a partir daí, ela receberá uma resposta sobre como proceder para passar as informações para a Secretaria de Desenvolvimento Social. "Será enviada uma mensagem automaticamente com as opções de serviços sociais, a opção 9 é a opção para quem quer notificar pessoa em situação de rua", explicou Mara Franco, Secretária de Desenvolvimento Social.

Equipes da SDS já fazem esta busca ativa, periodicamente, mas com a ampliação prevista no Plano de Ação, a participação da sociedade será fundamental. "Desde o dia 15/06 estamos reforçando as abordagens, as diligências também acontecerão no período da noite, que é quando este público é mais facilmente encontrado", destacou Mara. 

Ao fazer o contato com a Secretaria, o cidadão informará o endereço, a situação em que se encontra a pessoa, entre outros. Na abordagem, a pessoa em situação de rua será convidada a ir para o Centro Dia ou para o Acolhimento Institucional modalidade per noite. "As noites começarão a ficar mais frias e essa população fica muito vulnerável. Some-se a isso, os riscos e exposição à pandemia do novo coronavírus", disse a secretária. Em algumas abordagens, a SDS conta com a participação da Secretaria de Saúde.

Por conta da pandemia, inclusive, a SDS realizou uma ação específica de conscientização e distribuição de kits de higiene. "A Operação Desinfecção da Prefeitura também conta com as pias de higienização das mãos, com água e sabão, em pontos estratégicos, pois o foco principal destas pias é exatamente a população em situação de rua", completou Mara Franco.

Rede atendimento e proteção

Em Cotia, a Prefeitura oferece uma rede de atendimento e proteção às pessoas em situação de vulnerabilidade social. Além do Centro Dia, onde a pessoa em situação de rua pode se alimentar, tomar banho, lavar os seus pertences e participar de oficinas e acessar serviços sociais, há também o Acolhimento Institucional per noite e o atendimento do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS).



 

Pesquisar




X



















© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 9 8266 8541 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR