Fone: (11) 4617-3641 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco            
sitedagranja
| booked.net | Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

10/06/2010

Notícia - Salas de leitura

Recentemente o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou uma lei que determina a instalação de bibliotecas em todas as instituições de ensino do país em um prazo de dez anos.


Recentemente o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou uma lei que determina a instalação de bibliotecas em todas as instituições de ensino do país em um prazo de dez anos. Atualmente, quase 100 mil colégios de ensino fundamental público e particular não contam com esses espaços. Foi publicado que cada biblioteca deve ter, no mínimo, um título para cada aluno matriculado.

Apesar da lei só passar a valer daqui dez anos, visitamos algumas escolas estaduais da região para verificar o estado em que as bibliotecas se encontram.

Sala de leitura da E. E. Vinicius de Moraes
A Escola Estadual Vinicius de Moraes foi reformada há pouco tempo e implantou uma nova sala de leitura com livros paradidáticos para o ensino fundamental e médio, que totaliza 900 alunos. A sala conta com mesas redondas e prateleiras em que os livros são organizados de acordo com a sua classificação.

O diretor Carlos Augusto, autor do projeto da sala de leitura, contou que pretende instalar mais prateleiras e no futuro abrir outra sala. De acordo com o diretor, dois professores readaptados se revezam para tomar conta da sala.

"Em média, a sala abriga cerca de 4 a 5 títulos por aluno, em um total que varia de 3000 a 4000 títulos", conta Carlos. O governo costuma enviar os livros com uma frequência anual.

Carlos também falou sobre os projetos que estão em andamento para estimular a leitura, ele pretende montar murais na sala de leitura para que os alunos escrevam suas opiniões sobre os livros, "quero que os alunos leiam por prazer". O diretor se surpreendeu com os alunos do ensino médio, "eles estão lendo por conta própria".

No ensino fundamental, a ida à sala de leitura é acompanhada pelos professores em horário de aula.

Além dos livros que se encontram na sala de leitura, todas as salas contém livros didáticos para que sejam realizadas pesquisas durante as aulas.

Sala de leitura da E. E. Fernando Nobre
A Escola Estadual Fernando Nobre também tem uma sala de leitura organizada que atende 222 alunos. De acordo com a coordenadora pedagógica Elisângela Silva, há uma disciplina chamada "hora da leitura", em que os alunos são conduzidos à sala da leitura e são acompanhados pelos professores.

Não há muitos títulos, mas os livros estão em um bom estado. Elisângela contou que o envio do governo não é regular, "ano passado nós recebemos livros, esse ano não".

Biblioteca da E. E. Carlos Ferreira
O diretor Cláudio Prado, da Escola Estadual Carlos Ferreira, nos mostrou uma biblioteca que fica separada da escola. A biblioteca é pequena e quando chove forte é invadida pela água.

De acordo com o diretor, já foi solicitado um projeto de reforma para que o espaço seja ampliado e se torne mais acessível e confortável aos 700 alunos matriculados.

Os títulos não são muitos, mas esse mês o estado já enviou 3 coleções de cada editora para a escola, "geralmente recebemos livros de 2 em 2 meses", conta Cláudio.

Sala de leitura da E. E. Pequeno Cotolengo de Dom Orione
A Escola Estadual Pequeno Cotolengo de Dom Orione se encontra em um prédio alugado, o que dificulta a realização de reformas na escola.

De acordo com a diretora Maria Teresa Aceituno, a sala de leitura conta com livros literários e enciclopédias, dentre outros, totalizando cerca de 5000 títulos. Há um professor readaptado que toma conta da sala.

Maria Teresa contou que o estado está estudando a viabilização de uma reforma, para que o espaço aumente, "talvez seja colocado uma parte do acervo no pátio, para aproveitar a área".

Os alunos do fundamental visitam a sala de leitura com uma frequência maior do que os outros, segundo a diretora. Mas os alunos do ensino médio já fizeram trabalho voluntário para ajudar a cuidar da sala de leitura, enfim, todos manifestam interesse pela sala.

"São distribuídas caixas de leitura nas salas de primeira a quarta série, que ficam no cantinho da leitura", conta Maria Teresa.

A diretora informou que o governo não costuma mandar títulos repetidos, "são enviados no máximo 10 exemplares de cada título" para serem consultados pelos 850 alunos que a escola abriga.

Foram consultadas outras escolas, tais como a E.E. Ary Bouzan e a E.E. Santa Ângela, mas elas não possuem biblioteca, nem salas de leitura.

Seguem os telefones das escolas, caso você queira fazer uma doação:
E.E. Vinicius de Moraes - 4702-3338
E.E.Fernando Nobre - 4702-2326
E.E Carlos Ferreira - 4702-5080
E.E Pequeno Cotolengo de Dom Orione - 4617-4307


Marina Novaes
Fotos: Lígia Vargas








 

Pesquisar

























© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 96948-3326 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR