Fone: (11) 4617-3641 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco            
sitedagranja
| booked.net | Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

05/08/2010

Notícia - Festival das Orquídeas

São Roque é daquelas cidades que nem se pode considerar uma viagem ir até lá, de tão perto que é e de tão fácil acesso que tem.


São Roque é daquelas cidades que nem se pode considerar uma viagem ir até lá, de tão perto que é e de tão fácil acesso que tem.

E neste fim de semana acontece o Festival das Orquídeas, com cultivadores de 26 cidades. A exposição acontece na Brasiltal, uma antiga indústria têxtil que tem uma história de 120 anos e atualmente funciona como centro cultural da cidade. São mais de 500 espécies de orquídeas apresentadas dentro do antigo galpão fabril de 1800 m². A associação de orquidófilos local oferece uma rápida oficina de cultivo e tratos. Além da exposição de espécies premiadas, estão à venda 2.500 orquídeas de todos os tipos e preços. O evento é muito freqüentado por fotógrafos em busca da imagem perfeita.


SERVIÇO
Quando: de 31/07 a 08/08 sempre às sex., sáb. e dom.
Horário: sex. e sáb. das 9 às 20h, dom. das 9 às 18h
Local: Brasital - Avenida Aracaí, 250 - Centro - Próximo à Rodoviária de São Roque
Tel: (11) 4712-5664
Entrada: gratuita
Estacionamento: R$2,00

Aproveite para conhecer a Rota do Vinho

Próximo do Festival está a Rota do Vinho, que atravessa São Roque serpenteando as colinas com plantações, pastos e remanescentes de mata. É nesta rota que se encontram a maioria dos bons restaurantes da cidade, assim como adegas que podem ser visitadas.

No Km 4 fica o Quinta di Olivardo, um restaurante pitoresco em meio às videiras. Especializado na culinária portuguesa, tem no cardápio uma variedade de pratos a base de bacalhau. Os mais pedidos são bacalhau ao forno com brócolis e batatas, alheira no réchaud e claro, bolinhos de bacalhau. Para beber, a boa surpresa fica por conta do vinho branco seco de fabricação própria (uvas Lorena), que acompanha muito bem as receitas lusitanas. Tudo ao som de muito fado e uma vista tranqüilizante. Sobremesa? Pastéis de Belém.

Após o almoço, pode-se visitar as diversas adegas da região. Uma das principais é a Vinícola Góes. Com uma estrutura surpreendente, conta com restaurante, ampla loja de vinhos, taças e acessórios, onde se pode degustar praticamente todos os produtos. Tem ainda lojas de presentes e embutidos, além da fábrica que pode ser visitada em um tour com os guias da empresa. Lá dentro os visitantes conhecem a história da vinícola, o processo de produção e engarrafamento das bebidas.

Seja sábado ou domingo, este programa vale o passeio.

Mais informações e fotos:
Veja no OlharTurístico


Fotos: Juliana Bruder/Olhar Turístico









 

Pesquisar





















© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 96948-3326 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR