Fone: (11) 4617-3641 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco            
sitedagranja
| booked.net | Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui
Voltar

16/05/2012

Notícia - Denúncias:

Parque de transmissão de rádio causa transtornoOs moradores dos bairros Pq.


Parque de transmissão de rádio causa transtorno
Os moradores dos bairros Pq. Dom Henrique, Recanto dos Victor, Barro Branco, Haras Império Egípcio, Condomínio Santa Paula, Jardim Lina, Parque Isaac Pires, Bairro do Maranhão (C.T. do São Paulo F.C.) e todo o entorno do Parque de transmissão da Rádio América e Canção Nova (AM 1.410 kHz de São Paulo), situado no Parque Dom Henrique, estão pedindo a cassação da licença e funcionamento do Parque de Transmissão da Rádio América, situado à Rua Nicodemos de Carvalho, 300, Parque Dom Henrique, Cotia.

Com base na Lei Orgânica do Município de Cotia - SP, conforme Capitulo II, artigo 4º, ítem XXIV, letra b, onde está redigido, "cassar a licença daqueles cujas atividades se tornem prejudiciais à saúde, à higiene, ao bem estar, à recreação e ao sossego público e aos bons costumes;", os moradores dizem que desde o inicio do mês de março, a Rádio América AM e retransmissora da Canção Nova iniciou as transmissões, ocasionando aos moradores ao seu redor, o que poderemos chamar de pesadelo, devido às interferências causadas pelas suas torres aos aparelhos eletroeletrônicos, radio AM e FM, sistemas de televisão aberta e fechada (satélite), telefonia com e sem fio, interfonia, internet Wi-FI e a cabo entre outros. Devido às interferências eletromagnéticas causadas por essas transmissões, os moradores não podem mais usufruir dos meios de comunicação em suas residências.

Todos os moradores do entorno das torres estão seriamente prejudicados naquilo que é direito privativo dentro de suas residências.

Após o inicio das transmissões, televisores e aparelhos domésticos ligam e desligam sozinhas, imagens totalmente distorcidas pelas interferências eletromagnéticas; telefones não podem mais ser utilizados devido à viva voz da Canção Nova ou discam sozinhos para números aleatórios; abajures e sensores de luz não mais funcionam - apagam e acendem até queimar; interferências nas redes da Internet, sejam elas da Embratel ou Telefônica; computadores com mouses que não mais funcionam; portões automáticos e porteiros eletrônicos, entre outras interferências eletromagnéticas.

Os moradores do entorno pagam suas contas de telefone, internet, tv a cabo, mas não podem utilizá-las em maior ou menor grau.

Essas transmissões causam assim transtornos imensos ao bem estar, à recreação, ao sossego público e à saúde, pois existem moradores doentes que utilizam aparelhos hospitalares para sobreviverem e, neste caso, poderá haver também interferências eletromagnéticas que afetem seu bom funcionamento. Nos caso de uma urgência para chamar uma ambulância ou a policia, não terá os meios de comunicação disponíveis, como um simples telefone, para fazê-lo.

Além de toda a informação aqui relatada e comprovada através de vídeos, as torres em questão estão muito próximas das residências do Residencial Dom Henrique III, com não mais de 50 metros de distância da residência mais próxima e com no máximo 400 metros, próximo a duas escolas sendo uma delas uma Creche da própria Prefeitura que fica a 300 metros.

O sistema de geradores do Parque de Transmissão da Rádio América AM, quando em uso, e principalmente no período noturno, não deixa ninguém dormir, tal é a amplitude dos ruídos sonoros e das vibrações.

O sistema de para-raios implantado nessas torres de 83 metros de altura, além de aumentar drasticamente a ocorrência desses, tem causado a ocorrência de raios fora do alcance do mesmo, causando prejuízos a dois moradores, e, por esta razão, solicitamos a verificação e laudo por especialistas da prefeitura ou corpo de bombeiros.

A solicitação e a aplicação da Lei em questão, assegurarão nossos direitos aqui amplamente relatados, que não é de um, mas de milhares de moradores, que se somam a 400 no Residencial Dom Henrique, cerca de 8000 moradores no Recanto dos Victor, cerca de 3000 moradores no bairro Barro Branco, estendendo-se ao Haras Império Egípcio com mais de 100 moradores, Residencial Santa Paula ainda em formação, entre outras localidades do entorno.

Tal solicitação é de extrema urgência, em virtude de problemas apresentados e sem solução pela Rádio América AM 1410 kHz, Canção Nova.

Carlos Alberto de Carvalho Lima




Campanha Enganosa

Meu nome é Ricardo e moro no Bairro de Outeiro de Passargada-Cotia-SP, em 11/05/2012, entrei em contato com a Prefeitura de Cotia, para saber o calendário da campanha de vacinação anti-rábica.

Liguei para o número 4616-0466, onde fui indicado a ligar para o número 4243-7728, a atendente me informou que no dia 15/05 estariam próximos ao meu endereço nos seguintes pontos Rua Bahia e Rua Butantã das 9hs às 16hs.

Informo que compareci na Rua Butantã hoje as 9:15 e esperei até as 9:30 e ninguém apareceu. Voltei para casa e liguei para a Prefeitura onde me informaram que estavam atrasados.

Retornei ao local por volta das 10:30 e nada! Fiquei até as 11:30 e ninguém apareceu.

Acham que o cidadão é "trouxa", e pode perder tempo indo até os locais indicados e ficar plantado como um "bobo" na garoa.

Quero comunicar que se meus animais pegarem raiva e morderem alguma pessoa ficará por responsabilidade da Prefeitura, pois, eu fiz minha parte. E vocês não!

E digo mais, se quiserem vacinar meus dois cães e meu gato, peço que entrem em contato comigo.

Estou muito irritado, não contem com meu voto nem dos moradores de meu Bairro.

Ricardo - (11)7202-9404 / (11)5891-9173


 

Pesquisar





















© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 96948-3326 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR