TELEFONE E WHATSAPP 96948-3326 | Quem Somos | Anuncie Já | Fale Conosco            
sitedagranja
| booked.net | Newsletter

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER

ASSINAR

| Anuncie Aqui

Planeta Eu Voltar

14/05/2018

Nana Nenê!



No Instagram, Lau Guimarães escreveu: “Pra parar com essa santificação das mães. Pra lembrar que é mãe, mas também é mulher, e se gostava de sexo mais pegada, não é por que virou mãe que tem que mudar. Pra estimular viradas de noite suadas depois de por os filhos pra dormir”.



A Bia não pode andar, por isso quando ela quer pular corda, Rosana, sua mãe, a pega no colo e pula corda com Bia nos braços.

No supermercado ouvi o menino de três anos falar bem alto: “mãe, quero fazer xixi”. E logo em seguida repetiu o pedido. A mãe que conversava com outra moça olhou pra ele com cara de poucos amigos e disse: “Ok!”. Voltei depois de um tempo para ver se ele tinha ido pro banheiro e nada: ele ainda nas prateleiras e ela na conversa com a amiga.

Só sei que um ser vulnerável aparece no planeta quando um homem e uma mulher fazem amor no momento certo para isso acontecer. E aí aqueles seres viram mãe e pai.

O ser vulnerável depende integralmente de alguém para sobreviver. Espera-se que seus pais tomem esse encargo para si.

Sorte de quem tem como cuidador alguém que se coloca no lugar do ser vulnerável e procura ser para ele aquilo que ele ainda não é: capaz de se cuidar sozinho. De se levar para fazer xixi... Alguém que olha para aquele ser e procura compreendê-lo.

A grande salvação para o planeta e para a humanidade é sermos capazes de diluir as fronteiras e encarar o Outro como parte de nós, como se fôssemos uma coisa só. Isso é extremamente difícil, mas muitas mães conseguem com grande facilidade. Se o filho está bem, ela está bem. O Eu da mãe é expandido. Inclui o filho.

Revolucionárias as mães (e os pais) que experimentam essa possibilidade. Eles conhecem a força do amor. Essa força linda, transformadora, que nos tira do umbigo e deixa nosso olhar mais amplo.

Viva as mães e os pais neste Dia das Mães, e que possa haver muitas noites suadas depois que os filhos dormirem!



Veja mais

Pirei na Batatinha!
Leva meu coração?
Eu minto sim!
Os mansos e o presente
Vamos de mãos dadas!
Zezinho Bruce e eu, no Crepúsculo!
Papai Mamãe: um Clássico!
Piquenique com os Seres de Luz!
Sou feia!!
O corpo desobediente! por Jany
Não tem só bem pensar!
Voa Aurélio! por Jany
Olhos de cuidado! por Jany
Cuidado com o Penelin!
Fala que eu te escuto!
Na palma da mão!
A revolução da verdade!
Sim! Pode falar!
Ai de mim! Por Jany Vargas
Ioiô para todos!

 


Jany

Escritora e Focalizadora de Dança Circular no UlaBiná.

Pesquisar




X















© SITE DA GRANJA. TELEFONE E WHATSAPP 96948-3326 INFO@GRANJAVIANA.COM.BR